(51) 3545-4999 | (51) 98111-4999 | (54) 99983-5959 | (51) 99749-4400

Blog

Novidades e conteúdo exclusivo sobre controle de pragas.

O controle de pragas é uma solução eficaz para afastar insetos, cupins e ratos do ambiente. As substâncias administradas pelos profissionais agem no foco da infestação – ao contrário de armadilhas e venenos vendidos em supermercados, que são meros paliativos. Contudo, até mesmo os melhores serviços têm durabilidade limitada.

Isso significa que não adianta recorrer à dedetização uma única vez. Para proteger seu comércio ou sua fábrica o ano todo, é necessário estabelecer ações preventivas. A seguir, veja como planejar um calendário de renovação do controle de pragas e livre-se dos problemas.

Por que renovar os serviços de controle de pragas

Manter seu local de trabalho livre de ameaças é uma questão de saúde pública. Baratas e ratos, por exemplo, são vetores de doenças graves. Eles podem contaminar objetos e deflagrar verdadeiras epidemias.

Restaurantes, armazéns e outras empresas do ramo alimentício são particularmente sensíveis a essa questão. O mesmo vale para farmácias e indústrias de medicamentos. Não é de se admirar que existam regulamentações tão rígidas para a higienização desses locais. E a fiscalização da Vigilância Sanitária pode ocorrer a qualquer momento.

Porém, a preocupação deve se estender aos demais negócios. Em primeiro lugar, porque a presença de moscas no banheiro depõe contra a imagem da casa. É sinal de desleixo. Segundo, porque cupins e outras criaturas destroem o patrimônio, gerando prejuízos com reformas e substituição de móveis.

É por isso que o controle preventivo de pragas se torna tão importante. Sem ele, pode-se até perder o alvará de funcionamento do local. Ocorre que a duração de cada procedimento varia conforme a chamada meia-vida da substância utilizada. Para o efeito permanecer ativo, recomenda-se a seguinte frequência de renovação:

Controle de aracnídeos: a cada três meses;

Controle de insetos: a cada quatro meses;

Controle de ratos: a cada quatro meses;

Controle de cupins e brocas: uma vez ao ano.

Como montar um calendário de renovação do controle de pragas

Com base nesse período de garantia, você deve agendar a renovação do serviço para antes do prazo de vencimento. Consulte a imunizadora e verifique, também, qual será a ação necessária. Essa medida serve para planejar os procedimentos anteriores à desinsetização.

A aplicação líquida demanda evacuação do local por 12 horas. Pertences pessoais devem ser guardados em armários. Plantas e animais também precisam ser retirados da área. Essas questões devem ser antevistas. Provavelmente, será preciso executar a função num dia de baixo movimento da firma.

Já a aplicação em gel, as armadilhas luminosas e a desratização não interferem na rotina da empresa. Os serviços podem ser realizados durante o expediente.

Ainda, cabe renovar a sanitização de ar-condicionado e a higienização de reservatórios a cada seis meses. Nessa última, o fornecimento de água é interrompido por algumas horas. Ou seja, convém fazê-la em épocas mais frias, quando o consumo do líquido diminui.

Gostou das dicas? Então entre em contato com a Hoffmann e planeje seu calendário de controle de pragas urbanas. Teremos satisfação em ajudar você. Fones: (51) 3545-4999 | (51) 98111-4999 | (54) 99983-5959. Whatsapp: (51) 99749-4400. Atendemos em todo o Rio Grande do Sul.