(51) 3545-4999 | (51) 98111-4999 | (54) 99983-5959 | (51) 99749-4400

Blog

Novidades e conteúdo exclusivo sobre controle de pragas.

Insetos e ratos acabam com o seu patrimônio. Essas criaturas são vetores de doenças, pois podem carregar microrganismos nocivos à saúde humana. Além do risco de contaminação do ambiente, há os prejuízos materiais devido à deterioração das estruturas. É por isso que o controle de pragas é um investimento que deve ser realizado periodicamente.

Porém, algumas pessoas acreditam que esse serviço sai caro demais. Na intenção de economizar, elas preferem tomar medidas paliativas quando encontram baratas, cupins ou camundongos. Geralmente, recorrem a iscas e inseticidas comprados em supermercado.

Esses produtos podem ser eficientes para capturar alguns animais, mas não agem na origem da infestação. Ou seja, o problema continua e as avarias aumentam.

Por que o controle de pragas é um investimento

Para explicar por que o controle de pragas não é gasto, mas investimento, vamos imaginar uma fábrica de calçados. Os trabalhadores lidam diariamente com couro, cola, solvente e outras substâncias inflamáveis. Sendo assim, devem tomar precauções para evitar acidentes com fogo.

Agora, por mais cuidadosa que a equipe seja, digamos que um curto-circuito cause um incêndio. Os materiais em estoque e os equipamentos viram cinzas em poucas horas. É um prejuízo irreparável – a menos, claro, que a empresa tenha seguro contra sinistros do tipo.

O dono de um negócio pode passar a vida inteira sem acionar o seguro. Ainda assim, sabe que precisa se precaver. Afinal, desembolsar uma quantia pequena todo ano é mais fácil que pagar a reconstrução de um prédio inteiro.

O controle de pragas segue uma lógica parecida. A ideia é prevenir infestações em vez de remediá-las. Investir no serviço, portanto, significa investir na segurança do patrimônio.

Seus funcionários até podem seguir boas práticas, como instalar telas nas janelas, recolher o lixo com frequência e manter os ambientes sempre limpos. No entanto, basta uma frestinha para que os seres indesejados invadam a edificação e comecem a se proliferar.

O resultado? Cupins comprometem a integridade da madeira, o que exige a substituição dos móveis. Ratos causam quebra no estoque de alimentos, diminuindo a margem de lucro. A presença de baratas rende multas da Vigilância Sanitária. Isso, sim, é dinheiro desperdiçado.

Dica: Quanto custa uma dedetização?
O barato que sai caro

Se você está pensando em pagar menos por um serviço de controle de pragas, esteja atento. Estratégias como a compra de produto em agropecuária ou supermercado pode acabar em intoxicação. Já está mais do que certo que chumbinho para controle de ratos não é uma boa técnica.

Além disso, mesmo contratanto uma empresa que preste o serviço em seu ambiente, é necessário verificar alguns pontos deste fornecedor:

Após contratar uma empresa, não deixe de verificar a eficácia dos serviços prestados. Avaliar o controle de pragas de seu ambiente é um direito seu como consumidor. Caso o resultado não seja conforme o esperado, contate a empresa e solicite uma assistência técnica, se a empresa dispor.

Dica: 5 dicas para escolher a dedetizadora
Quando realizar o controle de pragas

O efeito do controle de pragas varia conforme a natureza do serviço. A vida útil dos produtos domissanitários utilizados pode ir de três meses a um ano. Portanto, consulte a imunizadora para planejar um calendário de renovação dos procedimentos, de forma a manter o local sempre protegido.

A Hoffmann conta com uma equipe de profissionais capacitados para atuar no controle de insetos, no controle de ratos e no controle de cupins e brocas. Possuímos autorização dos órgãos reguladores e recebemos o Selo de Proteção Bayer, garantia internacional de qualidade.

Entre em contato conosco e solicite um orçamento. Fones: (51) 3545-4999 | (51) 98111-4999 | (54) 99983-5959. Whatsapp: (51) 99749-4400. Atendemos em todo o Rio Grande do Sul.

Orçamentos para Controle de Pragas, Sanitização e Higienização de Reservatórios