Blog Imunizadora Hoffmann

Novidades e conteúdo exclusivo sobre controle de pragas.

Este é um recado para a população do Vale do Sinos. Se você está precisando de dedetização em Novo Hamburgo ou cidades próximas, veio ao lugar certo. Hoje vamos explicar por que esse procedimento é tão importante na região, além de dar dicas para escolher a imunizadora. Fique conosco!

Clima de Novo Hamburgo favorece a proliferação de pragas

Quem vive em Novo Hamburgo sabe como os verões no município podem ser quentes. A temperatura máxima atinge uma média de 31°C nos meses de janeiro e fevereiro – e, sendo uma média, isso significa que há dias bem mais tórridos.

Junte o calor à chuva e está feito o estrago: essas são as condições perfeitas para a proliferação de pragas. É que o metabolismo dos insetos fica acelerado nesse tipo de clima, de forma que a reprodução de mosquitos, baratas e outras criaturas se torna mais rápida. Ou seja: as colônias podem aumentar de tamanho num piscar de olhos.

Gráfico com as médias de temperaturas mínimas e máximas em Novo Hamburgo ao longo do ano

Médias das temperaturas mínimas e máximas ao longo do ano. Fonte: NOAA

Nos últimos tempos, os hamburguenses vêm travando uma batalha contra o mosquito Aedes aegypti, transmissor de dengue, zika e chikungunya. Um levantamento realizado pela Universidade Feevale em parceria com a prefeitura municipal, em fevereiro de 2022, revelou que 4,9% dos domicílios visitados tinham focos do vetor.

Esse índice, de praticamente uma casa afetada a cada 20, significa alto risco para surto de doenças. Sem surpresa, novos casos de dengue foram confirmados em Novo Hamburgo e região poucas semanas depois.

As medidas de combate ao Aedes aegypti são velhas conhecidas do público: não deixar água parada em caixas, latões de lixo, vasos de plantas e assim por diante. E esses cuidados devem ser seguidos o ano todo, não só no verão, já que os ovos do mosquito podem resistir vários meses, até mesmo em ambiente seco.

Porém, quando há uma infestação instalada no local, aí é necessário tomar medidas mais enérgicas. Apenas a dedetização profissional é capaz de deter a praga sem comprometer o bem-estar das pessoas ao redor. Portanto, você deve recorrer ao serviço de controle de insetos, também chamado de desinsetização.

Saiba mais: Como se proteger da dengue

Comércio de Novo Hamburgo deve investir em dedetização

Outra característica de Novo Hamburgo é a força do comércio de bens e serviços. Segundo os dados mais recentes coletados pelo IBGE, em 2019, o número de empresas e organizações atuantes no município é de 13.990. Isso o deixa em terceiro lugar no ranking gaúcho, atrás apenas de Porto Alegre e Caxias do Sul.

Realmente, junto à população local, muitos moradores de cidades vizinhas vão até NH para fazer compras. Tamanho destaque no cenário regional demanda qualificação das lojas – no que diz respeito tanto ao treinamento das equipes quanto à arrumação e a higienização dos estabelecimentos.

Nesse ponto, também é importante prestar atenção ao controle de pragas. A medida garante mais conforto e bem-estar ao público – evitando, ainda, alguns riscos sanitários.

Não à toa, o Ministério da Saúde estabelece diretrizes para setores específicos da economia. Por exemplo, a Resolução Nº 216 regulamenta boas práticas para os serviços de alimentação, como bares e restaurantes. Já a RDC Nº 304 trata de distribuição, armazenagem e transporte de medicamentos, o que inclui as redes de farmácias.

Ambos os documentos oficiais dedicam trechos específicos ao controle integrado de pragas e vetores. Esses cuidados servem principalmente para prevenir a contaminação dos produtos, pois insetos e ratos podem espalhar microrganismos causadores de doenças. Logo, quem tem comércio em Novo Hamburgo precisa programar um calendário de imunização para a empresa.

Saiba mais: Qual é a frequência ideal para a faxina em sua empresa?

Como escolher a dedetizadora

O serviço profissional de controle de pragas, popularmente chamado de “dedetização”, consiste na aplicação de domissanitários. Essas substâncias são autorizadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e, quando usadas da maneira correta, não representam risco ao meio ambiente.

O que elas fazem é criar uma barreira protetora no local, eliminando focos de infestação e impedindo o acesso de novos invasores. No entanto, antes de fechar negócio com uma imunizadora, vale a pena seguir estas dicas:

1. Verifique a licença

A atividade de controle de pragas é autorizada e fiscalizada no Rio Grande do Sul pela Fundação Estadual de Proteção Ambiental Henrique Luiz Roessler (Fepam). Apenas empresas com a licença ativa podem atuar nesse ramo. O registro atesta que o serviço estará de acordo com todas as normas de segurança vigentes.

2. Desconfie do orçamento

É claro que uma pesquisa de preços é necessária para encontrar o fornecedor com o melhor custo/benefício. Mas lembre-se de que as imunizadoras têm despesas com o treinamento de pessoal e a aquisição de insumos de boa procedência. Sendo assim, desconfie dos orçamentos muito abaixo da média de mercado. Isso é sinal de que a equipe não investe o suficiente em qualidade.

3. Exija garantia

Por mais minuciosa que seja a dedetização, às vezes algumas pragas conseguem escapar. Nesses casos em que a infestação continua, é bom contar com um prazo de garantia. Desse modo, os profissionais retornarão ao estabelecimento para reaplicar o domissanitário sem custo adicional.

Manual de Recomendações

Onde encontrar dedetizadora em Novo Hamburgo e região

Você não conhece ninguém que preste o serviço de controle de pragas em Novo Hamburgo? Está pensando em recorrer a uma empresa de dedetização em Campo Bom, ou quem sabe uma imunizadora em São Leopoldo?

A Hoffmann é a solução. Nós temos mais de 30 anos de experiência no ramo e atendemos em todo o Rio Grande do Sul.

Aliás, fomos a primeira empresa do estado a conquistar o Selo de Proteção Bayer. Essa certificação internacional é concedida a companhias que se preocupam com desenvolvimento sustentável, qualidade dos produtos e treinamento constante das equipes. Por isso, você pode contar conosco.

Quer saber como vamos ajudar você? Então entre em contato e solicite um orçamento para controle de insetos, controle de ratos ou controle de cupins.

Fones:  (51) 3545-4999 | (51) 98111-4999 | (54) 99983-5959WhatsApp: (51) 99749-4400.

Orçamentos para Controle de Pragas, Sanitização e Higienização de Reservatórios
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar por E-mail
  • Compartilhar no LinkedIn

Posts Relacionados