Blog Imunizadora Hoffmann

Novidades e conteúdo exclusivo sobre controle de pragas.

A melhor forma de ter segurança ao tomar uma decisão, comprar um produto ou contratar um serviço é ter o máximo possível de informações sobre ele. Quando se trata de um serviço complexo, que já virou até escândalo de fraude, é muito importante cercar-se de garantias. Por isso, reunimos as principais dúvidas que chegam até a nossa equipe todos os dias sobre o que é e como funciona a sanitização.

Confira se a sua dúvida está respondida aqui! E não perca o bônus no final: um vídeo com as verdades sobre os 4 pontos mais polêmicos da sanitização! É só seguir a leitura!

O que é sanitização?

Segundo a Resolução nº 14 da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), a RDC 14/2007, a sanitização consiste em reduzir microrganismos críticos para saúde pública em níveis considerados seguros. Na prática, é um processo que deixa o ambiente seguro no quesito de microrganismos.

Atualmente, a sanitização de ambientes tem sido amplamente divulgada como forma de desinfecção preventiva contra o coronavírus, entretanto, o procedimento é muito comum como forma de combater o mofo em qualquer tipo de edificação, residências ou empresas, além de prevenir contaminação por bactérias, principalmente nos segmentos de saúde e alimentação.

Com a chegada do frio, a sanitização também é uma medida importante para prevenção do vírus da gripe e das doenças respiratórias desencadeadas por agentes alérgenos.

Saiba mais: A importância da sanitização no combate ao coronavírus

O produto sanitizante utilizado combate o coronavírus?

Sim, o produto utilizado pela Hoffmann é um sanitizante de quinta geração, que age no controle de bactérias, fungos, ácaros e vírus, realizando a quebra da cápsula do vírus e, assim, desabilitando seu potencial infeccioso.

Ele é indicado pelo Ministério da Saúde para desinfecção de superfícies e é um dos produtos registrados e regulamentados para o combate ao Coronavírus pela ANVISA. Além disso, a Agência de Proteção Ambiental dos EUA mostra que o vírus é controlado em apenas 10 minutos após o contato com o produto.

Confira a lista de produtos indicados pela ANVISA e pelo Ministério da Saúde e sempre exija produtos regularizados por estes dois órgãos.

O produto elimina 100% dos vírus?

Infelizmente, não é possível garantir a eliminação total dos vírus: o processo que elimina 100% dos vírus é a esterilização e não temos no mercado, atualmente, um produto que realiza esse processo. A sanitização diminui a carga viral a um nível “seguro”, em que não há perigo de infecção.

Este tipo de serviço é realizado somente por empresas especializadas?

O serviço, não. Já a sanitização com este produto de alta tecnologia é realizada somente por empresas especializadas.

Atualmente, a demanda pelo serviço de sanitização está permitindo a criação de muitas novas empresas e profissionais que realizam o procedimento com inúmeros produtos diferentes. Como não existe regulamentação da operação, é importante pesquisar sobre a empresa contratada.

Saiba mais: Como contratar uma boa empresa de sanitização

Em quanto tempo posso reocupar os locais?

Geralmente, o local pode ser ocupado em até 1 hora após a aplicação, respeitando apenas a secagem do produto. A ficha de segurança do produto traz essa informação e deve sempre ser consultada.

Principais dúvidas sobre sanitização

Profissional da Hoffmann realizando a sanitização em uma farmácia.

Durante quanto tempo o produto fica agindo?

Primeiro, é importante ressaltar que o produto tem seu efeito principal de CHOQUE e não RESIDUAL, isto é, o intuito do produto é controlar os microrganismos que já estão no local, evitando novas contaminações pelo toque. Segundo, a ficha técnica do produto contém a indicação do tempo de atuação, que geralmente é de algumas horas, dependendo dos fatores climáticos e ambientais aos quais ele estará exposto.

Por último, um fator essencial é que a limpeza do ambiente deve ser feita ANTES da sanitização. Realizar a limpeza após o procedimento resulta na remoção do sanitizante das superfícies, ou seja, afetará seu tempo de atuação.

Veja mais detalhes sobre esse assunto no vídeo no final do texto.

É preciso fazer a sanitização na residência?

Em geral, a sanitização residencial tem como função eliminar agentes nocivos que prejudicam a saúde das pessoas: mofo, fungos, ácaros, bactérias, vírus e outros microrganismos que podem desencadear doenças ou abalar o sistema imunológico dos moradores.

Por isso, além de todas as medidas de higiene, o ideal é contratar uma empresa especializada para realizar a sanitização em sua casa. A sanitização de ambiente não garante que a pessoa não irá se contaminar com o Coronavírus, mas neutraliza qualquer contaminação que esteja nas SUPERFÍCIES.

Este produto é tóxico?

Na verdade, todo produto é tóxico. Entretanto, com as técnicas que utilizamos e com o respeito às orientações que passamos aos nossos cliente, não há perigo de toxicidade para os moradores ou ocupantes do local, justamente por isso investimos tanto em tecnologia.

Se o produto não é tóxico, por que usam macacões e máscaras especiais para a aplicação?

Os profissionais que realizam a sanitização ficam expostos ao produto várias horas por dia, todos os dias. Então, nessas condições de exposição direta, sem o uso de equipamentos de proteção individual, o produto seria tóxico para eles, por isso a necessidade de trajes especiais. Já para quem tem contato apenas com um ambiente sanitizado, após a secagem do produto, não há risco de toxicidade.

Quais os riscos para os animais de estimação?

Sempre é recomendado consultar a ficha de segurança do produto para averiguar as informações. Geralmente, as regras de tempo de espera de secagem e de reocupação do espaço são as mesmas para pessoas e animais de estimação. Então, seguindo corretamente as orientações de uso, não há risco para os pets.

Quais os cuidados na escolha do produto?

Atualmente, o produto utilizado pela Hoffmann é o melhor disponível no mercado nacional, com menos toxicidade à população e com alto nível de eficácia.

Atenção: mesmo que você consulte a lista de produtos indicados pelo Ministério da Saúde e ANVISA e opte por um produto para combater o coronavírus, ele ainda pode ter efeitos indesejáveis para o ambiente e para as pessoas. Por exemplo, reações alérgicas, corrosão ou oxidação de alguns metais e ocorrência de manchas em tecidos e/ou mobiliário.

Ao contrário do hipoclorito de sódio, nosso produto não é corrosivo, não possui odor desagradável nem apresenta outros efeitos típicos do uso de água sanitária.

Em quais locais deve ser realizada a sanitização?

Todos os locais onde há circulação de pessoas devem ser sanitizados. Em geral, vários segmentos e estabelecimentos podem se beneficiar dos efeitos da sanitização. Confira, a seguir, uma lista de ambientes em que a sanitização é fundamental:

  • Estabelecimentos de saúde: hospitais, clínicas, consultórios, laboratórios, farmácias, clínicas veterinárias;
  • Vias públicas: calçadas, praças, paradas de ônibus, parques, ruas comerciais com grande fluxo de pessoas;
  • Comércio e serviços: lojas, supermercados, bancos, restaurantes, padarias, postos de combustível, cartórios, escritórios, hotéis e pousadas;
  • Indústrias: todas as indústrias, com destaque para o segmento alimentício, que segue rígidas normas sanitárias;
  • Transportes: ônibus, vans, trens e até mesmo carros de aplicativo podem tornar seus espaços mais seguros com a sanitização;
  • Residências: para garantir um ambiente saudável e seguro para a sua família.
Locais com risco de contágio

Confira o risco de contágio da COVID-19 em cada um desses locais.

De quanto em quanto tempo deve ser feito este serviço?

Não existe uma recomendação absoluta para isso, pois o tempo entre os procedimentos depende do volume de circulação de pessoas:

  • Alto fluxo de circulação: sanitizar uma vez por semana;
  • Médio fluxo de circulação: sanitizar quinzenalmente;
  • Baixo fluxo de circulação: sanitizar mensalmente;
  • Residências: sanitizar a cada 3 meses ou em menos tempo, em caso de necessidade.

Nossos especialistas podem ajudar você a estabelecer a frequência ideal com base nas particularidades do seu ambiente.

Bônus: verdades sobre 4 pontos polêmicos

Além das perguntas mais frequentes sobre o que é e como funciona a sanitização, separamos para você os aspectos mais polêmicos sobre o tema!
Todo mundo quer saber: funciona ou não funciona? Por que usar esse produto? Posso acreditar em garantia de 3 meses? Qual horário eu escolho para a aplicação?

Confira as respostas no vídeo a seguir! Já é inscrito em nosso canal? Inscreva-se e deixe seu Like!

Precisa de uma empresa de sanitização no Rio Grande do Sul?

Não deixe que perigos invisíveis levem embora sua saúde e seu negócio: chame a Hoffmann e realize a sanitização ideal para o seu lar e a sua empresa!

Além de garantir saúde e segurança no seu ambiente, o motivo mais vantajoso para contratar hoje mesmo a sanitização de ambientes é porque estamos disponibilizando o serviço pelo PREÇO DE CUSTO.

Aproveite a oportunidade!

Temos mais de 30 anos de experiência e fomos a primeira empresa do Estado a conquistar o Selo de Proteção Bayer, certificação internacional que comprova a excelência de nossos serviços. Investimos em capacitação técnica e em equipamentos de ponta para oferecer os melhores resultados, com eficiência, segurança e proteção ambiental.

Entre em contato conosco e agende sua sanitização. Fones: (51) 3545-4999 | (51) 98111-4999 | (54) 99983-5959. Whatsapp: (51) 99749-4400. Atendemos em todo o Rio Grande do Sul.

Orçamentos para Controle de Pragas, Sanitização e Higienização de Reservatórios

Posts Relacionados